O Dia Mundial da Saúde foi criado em 7 de abril de 1948, pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Este dia tem como objetivo promover discussões e ampliar o conhecimento acerca de determinadas problemáticas da saúde global.

De acordo com a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), dentre todos os países com mais de 100 milhões de habitantes, o Brasil é o único que possui um sistema universal e gratuito reconhecido mundialmente.

 Dentre os temas abordados anualmente no Dia Mundial da Saúde, temos:

2015- “Do campo à mesa, obtendo alimentos seguros.

2016- “Combate a diabetes”

2017- “Depressão”

2018- “Saúde para todos”

 Neste ano o tema será “Nosso planeta, nossa saúde” e terá como objetivo conscientizar as pessoas sobre a importância da preservação da saúde para melhorar a qualidade de vida. E dentro deste tema surgem alguns questionamentos como, será que Somos capazes de reimaginar um mundo onde ar limpo, água e comida estejam disponíveis para todos?

 A resposta é sim!

  • O cânhamo possui bom potencial como recurso biocombustível, e usando o mesmo como fonte de combustível empresas de energia podem conseguir economias significativas na instalação e operação de equipamentos de controle de poluição;
  • É uma planta que exige pouca manutenção e pode ser cultivada na maioria dos climas;
  • Não reduz os nutrientes do solo;
  • Seu sistema radicular profundo pode ajudar a evitar a erosão e absorver contaminadores de metal pesado no solo;
  • É o maior produtor de celulose da terra com a vantagem de ser biodegradável;
  • Suas fibras geram matéria-prima para a produção de roupas com zero resíduos químicos.

 Portanto, pode- se dizer que o cultivo do cânhamo como um produto gerador de energia é uma alternativa viável a longo prazo para a demanda de combustível, que irá impactar diretamente no meio ambiente.

Referências:

PEREIRA, Bruno Viana, et al. AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO POPULACIONAL NO DIA MUNDIAL DA SAÚDE. Revista de Ciência em Extensão, São Paulo, v. 16, n. 1, p. 235-242, jun. 2020.

 https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/biblio-1247880

 ROBINSON, Rowan. O grande livro da cannabis. Rio de Janeiro: Siciliano, 1996.

 https://www.paho.org/pt/campaigns/dia-mundial-saude-2022

 https://envolverde.com.br/como-o-canhamo-pode-contribuir-para-um-planeta-mais-sustentavel/

Leia mais...  VII Fórum Cannabis Medicinal da Cidade de São Paulo - Cannabis e Direito à Saúde